Veio sobre mim a mão do SENHOR; ele me levou pelo Espírito do SENHOR e me deixou no meio de um vale que estava cheio de ossos, e me fez andar ao redor deles. Eram mui numerosos na superfície do vale e estavam sequíssimos.

Então, me perguntou: Filho do homem, acaso, poderão reviver estes ossos? Respondi: SENHOR Deus, tu o sabes.

Disse-me ele: Profetiza a estes ossos e dize-lhes: Ossos secos, ouvi a palavra do SENHOR. Assim diz o SENHOR Deus a estes ossos: Eis que farei entrar o espírito em vós, e vivereis. Porei tendões sobre vós, farei crescer carne sobre vós, sobre vós estenderei pele e porei em vós o espírito, e vivereis. E sabereis que eu sou o SENHOR.

Então, profetizei segundo me fora ordenado; enquanto eu profetizava, houve um ruído, um barulho de ossos que batiam contra ossos e se ajuntavam, cada osso ao seu osso. Olhei, e eis que havia tendões sobre eles, e cresceram as carnes, e se estendeu a pele sobre eles; mas não havia neles o espírito.

Então, ele me disse: Profetiza ao espírito, profetiza, ó filho do homem, e dize-lhe: Assim diz o SENHOR Deus: Vem dos quatro ventos, ó espírito, e assopra sobre estes mortos, para que vivam.

Profetizei como ele me ordenara, e o espírito entrou neles, e viveram e se puseram em pé, um exército sobremodo numeroso.

Então, me disse: Filho do homem, estes ossos são toda a casa de Israel. Eis que dizem: Os nossos ossos se secaram, e pereceu a nossa esperança; estamos de todo exterminados.

Portanto, profetiza e dize-lhes: Assim diz o SENHOR Deus: Eis que abrirei a vossa sepultura, e vos farei sair dela, ó povo meu, e vos trarei à terra de Israel. Sabereis que eu sou o SENHOR, quando eu abrir a vossa sepultura e vos fizer sair dela, ó povo meu. Porei em vós o meu Espírito, e vivereis, e vos estabelecerei na vossa própria terra. Então, sabereis que eu, o SENHOR, disse isto e o fiz, diz o SENHOR.

EZEQUIEL 37:1-14

O capítulo 37 é provavelmente o mais conhecido do livro de Ezequiel. Ele responde a uma pergunta feita pela nação de Israel no capítulo 33, verso 10: “Assim falais vós: Visto que as nossas prevaricações e os nossos pecados estão sobre nós, e nós desfalecemos neles, como, pois, viveremos?”. A resposta é dada por Deus, de uma maneira intrigante. Ezequiel havia enfatizado a “desolação” que havia ocorrido na terra prometida (Ez 5:14; 12:20; 23:33; 36:34). Como, então, poderia esta nação morta reviver novamente? Em sua visão, Ezequiel observou que o Espírito de Deus reconstruiria os ossos mortos a nação, dando-lhes tendões, carne, pele e, finalmente, o sopro da vida.

Importa destacar que estes versículos devem ser lidos e interpretados em conjunto com a mensagem que se iniciou no capítulo 34 do livro de Ezequiel. A partir deste capítulo, o Senhor falou de um novo pastor (liderança) e novas oportunidades na terra de Israel (capítulo 35), com a esperança renovada para o crescimento e prosperidade (capítulo 36).

Estas promessas tão esplêndidas foram recebidas, logicamente, com dúvidas e incredulidade pelo povo de Israel. Vários exilados tinham testemunhado a total devastação de suas cidades. Além disso, estavam vivendo sob o punho de ferro dos babilônios, um país tão poderoso que uma mudança de dominação mundial parecia impossível nos próximos séculos. Esse povo via muitos aspectos negativos que os impedia de terem uma esperança de uma nação renovada. Como poderia vir, então, a restauração? A resposta é: somente pelo poder de Deus! Deus regeneraria a nação de Israel, tornando-a forte e poderosa.

A NECESSIDADE DA RESTAURAÇÃO

A afirmação: “Veio a mim a mão do Senhor e me levou pelo Espírito”, do versículo 1, indica que Ezequiel estava tendo uma visão. A expressão “a mão do Senhor” sobre o profeta aparece sete vezes em todo o livro (cf. Ez 1:3; 3:14, 22; 8:1; 33:22; 40:1). Esta expressão indica uma experiência estática quando Deus se manifestava ao profeta Ezequiel.1

O Espírito do Senhor pôs Ezequiel “no meio de um vale”. Este vale havia sido o cenário de uma grande batalha. Havia ocorrido um enorme massacre: “o vale estava cheio de ossos”. Os mortos foram deixados onde caíram e ninguém se preocupou em sepultá-los. De início a visão já deixa bem claro, para o profeta, que Deus não toleraria mais o pecado e com o tempo traria juízo sobre a nação de Israel.

Deus fez Ezequiel “andar ao redor dos ossos”  (v.2). Ele queria que o profeta tivesse uma idéia do número de vítimas e entendesse que ali não havia mais esperança de vida. Entretanto, Deus reafirma ao Seu povo, através desta visão, que Ele tem o poder de dar vida ao que está morto e que para Ele nada é impossível (cf. Mc 10:27).

Deus explicou a Ezequiel que “estes ossos eram a toda a nação de Israel”. Representavam a multidão de Seu povo. A aplicação havia de ser a toda casa de Israel, que incluía tanto o Reino do Norte como o Reino do Sul.

Alguns eruditos acham que Ezequiel teve a visão do “vale dos ossos secos” por volta de 585 a.C. Isto indica que a maioria dos cativos levados a Babilônia com o rei Joaquim havia estado no exílio por mais de uma década. Todavia, muitos outros, a exemplo de Daniel e outros reféns reais que os precederam, já estavam no cativeiro há cerca de 20 anos (desde a primeira deportação em 606 a.C.).

A destruição de Samaria em 722 a.C, e mais tarde a de Jerusalém, no ano 587 a.C, foram experiências dramáticas e traumáticas. Muitos israelitas “perderam a fé”, ou pelo menos viram suas esperanças reduzidas a pedaços por um Deus que parecia ter abandonado Seu povo à triste sorte (cf. Is 49:14). Os falsos profetas haviam anunciado uma breve estadia de dois anos na Babilônia. Porém, com o passar dos anos, a esperança dos exilados foram frustradas. Desvanecera-se toda a esperança de um exílio de pouca duração. Desalentados, os judeus consideravam-se como ossos mortos, branqueados pelo tempo, e espalhados à entrada da sepultura, incapazes de viver outra vez. Segundo o profeta Ezequiel, muitos deportados estavam mais do que desanimados. Esta situação levou os exilados Israelitas a dizerem: “Nossos ossos se secaram e nossa esperança desvaneceu-se; fomos exterminados”  (v. 11).

A opinião que eles tinham de si mesmos é vista nas três seguintes afirmações. Eles diziam:

1. “Nossos ossos estão secos”. O tempo que o povo havia passado no cativeiro tinha destruído a esperança de que seriam restaurados.

2. “Nossa esperança desvaneceu-se”. Mesmo no cativeiro, no começo o povo esperava um retorno em breve. Essa esperança foi dissipada não só pela pregação de Jeremias e Ezequiel, mas também pelos anos no exílio.

3. “Estamos de todo exterminados”. Como se evidencia nos livros de Jeremias e 2 Reis, o povo foi esparramado por todas as nações e foram isolados uns dos outros. A situação frustrou-lhes qualquer visão de ser uma “nação restaurada”.

A Nova Tradução na Linguagem de Hoje traduziu muito bem o sentimento do povo de Israel: “O Senhor me disse: – Homem mortal, o povo de Israel é como esses ossos. Dizem que estão secos, sem esperança e sem futuro”.

O povo não tinha mais esperança de um futuro melhor. A esperança é essencial à sanidade mental das pessoas. Por isso o sábio declarou: “A esperança que se adia faz adoecer o coração” (Pv 13:12). Além do mais, a perda da esperança produz cada vez mais a separação de Deus. Por isso, o Senhor tomou a iniciativa e deu ao profeta Ezequiel uma visão maravilhosa – uma mensagem de esperança para o povo.

Quanto à quantidade de ossos, Ezequiel observou que eram “mui numerosos”. Isso ilustra o grande número de israelitas no exílio. A nação que outrora fora muito poderosa era agora um vale de ossos. Além disso, os ossos estavam muito secos. Eles foram branqueados em conseqüência da exposição ao sol. Aparentemente, não havia mais esperança de restauração.

O AGENTE DA RESTAURAÇÃO

Deus perguntou a Ezequiel: “Filho do homem, acaso, poderão reviver estes ossos?”  (v. 3). O que Ezequiel poderia lhe responder? A resposta para aquela pergunta parecia óbvia. O que nós responderíamos? Humanamente falando, deveríamos responder com um sonoro “não” àquela pergunta divina. O que responderíamos diante daquela situação? Os céticos diriam: Isso é impossível! Os incrédulos diriam: Jamais! No entanto, Ezequiel conhecia o incrível poder de Deus, de modo que respondeu, dizendo: “Eu não sei, mas Tu o sabes”. O senso comum lhe dizia que era impossível; mas por reverência a Deus, respondeu: “Senhor Deus, tu o sabes”.

Preston A. Taylor afirma que o profeta Ezequiel deixou a pergunta em aberto, por três razões:2

Em primeiro lugar, ele sabia muito bem que Deus tem o poder da criação e que Ele pode fazer qualquer coisa a partir do nada. Aliás, Deus usa o “nada absoluto” como matéria-prima para fazer tudo. Deus tem o poder para fazer o que Ele quiser. É por esta razão que o profeta Jeremias disse: “Nada há que te seja demasiado difícil”  (Jr 32.17).

Em segundo lugar, os ossos secos podem reviver por causa das promessas de Deus. Todos nós sabemos que as promessas feitas por Deus nunca falharão. É por isso que Paulo disse: “Pois tantas quantas forem as promessas feitas por Deus, todas elas têm em Cristo o ‘sim’. Por isso, por meio dele, o ‘Amém’ é pronunciado por nós para a glória de Deus” (2 Co 1:20). Deus havia advertido aos israelitas de que seriam levados ao cativeiro séculos antes que isso acontecesse, mas também fez promessas de que os traria de volta das terras estrangeiras (Dt 4:27-29; 30:1-3; 2 Cr 6:36-38; Is 10:22; Os 3:5; Jr 30:10, etc.).

Em terceiro lugar, os ossos secos podem reviver por causa do plano e do propósito de Deus para Seu povo. A confortante mensagem para Ezequiel era que os ossos secos poderiam viver novamente, porque esse era o plano de Deus. Sobre isso, Deus falou por meio do profeta Jeremias:

Eu é que sei que pensamentos tenho a vosso respeito, diz o SENHOR; pensamentos de paz e não de mal, para vos dar o fim que desejais. Então, me invocareis, passareis a orar a mim, e eu vos ouvirei. Buscar-me-eis e me achareis quando me buscardes de todo o vosso coração. Serei achado por vós, diz o SENHOR, e farei mudar a vossa sorte; congregar-vos-ei de todas as nações e de todos os lugares para onde vos lancei, diz o SENHOR, e tornarei a trazer-vos ao lugar donde vos mandei para o exílio. (Jr 29:11-14

O que Deus planejou pode tardar por causa das rebeliões humanas, mas os Seus planos jamais podem ser frustrados: “Bem sei que tudo podes, e que nenhum dos teus planos pode ser frustrado” (Jó 42:2). Ele levará adiante os planos que tem para com o seu povo ao longo da história.

OS INSTRUMENTOS DA RESTAURAÇÃO

Deus demonstrou que o processo de reavivamento em Israel ocorreria respectivamente em duas etapas:

A primeira etapa consistiria na pregação da Palavra de Deus: “Então ele me disse: “Profetize a estes ossos e diga-lhes: Ossos secos ouçam a palavra do Senhor!”  (v. 4). Conforme se observa na criação e por toda a Escritura, a palavra de Deus tem um tremendo poder. Ele trouxe o mundo à existência com as palavras de Sua boca e a Sua palavra fará que o mundo chegue a seu fim (2 Pe 3:7).

Deus disse a Ezequiel para profetizar sobre aqueles ossos e dizer-lhes: “Ossos secos, ouçam a palavra do Senhor!”. Ironicamente, Ezequiel alcançaria melhores resultados profetizando sobre aqueles ossos secos do que pregando para as pessoas vivas de Israel.

O Senhor Deus deu a Ezequiel uma visão das coisas que haveriam de acontecer. Disse que poria tendões e faria crescer carne naqueles ossos secos e os cobriria de pele. Finalmente, poria dentro deles o “fôlego de vida”3 e os faria viver novamente (vs. 5, 6).

Ezequiel, então, profetizou para aqueles ossos e, enquanto estava falando, Deus começou sua surpreendente obra. Durante o sermão de Ezequiel, ocorreu uma comoção. Um tremor perturbou sua mensagem. Era o ruído que os ossos secos faziam ao articularem-se, enquanto se juntavam uns aos outros, movendo-se cada um ao lugar que lhe correspondia no corpo. A versão da Sociedade Bíblica Brasileira traduz o verso 7 como segue: “Assim profetizei, como fui ordenado. Enquanto eu profetizava, houve um estrondo, e eis que se fez um terremoto, e os ossos se achegaram osso ao seu osso”. O “ruído” que se descreve não foi um terremoto, mas o barulho dos ossos que se encaixavam. Todos os 206 ossos do corpo humano se encaixaram em seu lugar. A frase “cada osso ao seu osso” representa uma completa restauração da nação israelita.

Logo após, os tendões, a carne e a pele apareceram sobre os ossos. Todo o vale estava cheio de corpos humanos. Porém, faltava algo. Ao final, o profeta fez uma constatação significativa: “não havia neles o fôlego de vida”  (v. 8). O que havia acontecido era algo extraordinário, mas os ouvintes, no entanto, ainda consistiam em homens mortos.

Da mesma forma como havia sucedido com outros grandes profetas de Deus, que haviam pregado grandes mensagens àquele povo, que se estilhaçaram contra ouvidos surdos (cf. Is 6.10), pode ser que aos servos de Deus se lhes mande pregar a uma “igreja morta”. Não obstante, homens fiéis pregam seus sermões, crendo no poder da Palavra de Deus, para levar vida àqueles que estão mortos.

A segunda etapa do reavivamento consistiria no enchimento do Espírito Santo.

E ele me disse: Profetiza ao Espírito, profetiza, ó filho do homem, e dize ao Espírito: Assim diz o Senhor DEUS: Vem dos quatro ventos, ó Espírito, e assopra sobre estes mortos, para que vivam. E profetizei como ele me deu ordem; então o Espírito entrou neles, e viveram, e se puseram em pé, um exército grande em extremo. (v. 9,10)

Assim como Deus amorosamente soprou o “fôlego de vida” nas narinas de Adão, de modo que este “se tornou um ser vivente”  (Gn 2.7), Deus mandou que Ezequiel profetizasse ao Espírito pedindo a Ele para que outorgasse vida a este vasto exército de cadáveres.

Afirmar que o Espírito viria dos “quatro ventos”,4 significa dizer que Ele viria de todas as direções, ou seja, dos quatro cantos da terra (cf. Ez 7.2). O Espírito do Senhor não procede dos ventos, no sentido de identidade com eles, mas de todos os cantos da terra. Temos aqui, portanto, o sentido da onipresença e plenitude do Espírito, para infundir naqueles corpos mortos o fôlego de vida.5

Qual é o significado dessas duas etapas? John B. Taylor explica que:

A diferença entre elas certamente se encontra no sentido das expressões proféticas de Ezequiel: primeiro ele dirige-se aos ossos, ordenando que eles ouçam; e depois, ao Espírito de Deus, invocando a sua inspiração. A primeira etapa deve ter sido muito semelhante à ocupação de Ezequiel, exortando pessoas sem vida a ouvirem a palavra de Deus. O efeito era limitado: aconteceu algo fora do comum, houve barulho, houve movimentação, mas os ouvintes ainda eram pessoas mortas. A segunda ação equivaleu ao ato de orar, pois Ezequiel suplicou que o Espírito de Deus efetuasse o milagre da recriação, soprando o fôlego de vida nas narinas dos seres viventes (cf. Gn 2:7). Desta vez o efeito foi surpreendente. O que a pregação não conseguiu realizar por si mesma, tornou-se uma realidade pela oração.6

O fiel profeta fez como se lhe havia mandado e, igualmente como suas demais profecias, viu os resultados imediatos.

De acordo com John B. Taylor:

Note que, em toda a visão, Ezequiel havia atuado recebendo ordens e descreveu sua obediência implícita aos mandamentos de Deus (vs. 7 e 10). Ao fazer isto, ele realça que o avivamento é obra de Deus, do princípio ao fim. Se o homem desempenha alguma parte dela, somente o faz por obedecer a direção de Deus. O mesmo se pode dizer da contribuição do homem a qualquer avivamento espiritual.7

O Espírito fez sua obra e um exército grande em extremo se encheu de vida, estando sobre seus pés e atentos. Foi deste modo que a visão terminou.

OS RESULTADOS DA RESTAURAÇÃO

Deus prometeu que daria vida a Seu povo morto, colocando neles o seu Espírito e o traria de volta a terra de Israel. Ele disse: “Porei em vós o meu Espírito, e vivereis, e vos estabelecerei na vossa própria terra”  (v. 14).

O poder humano jamais poderia dar vida àquela nação morta. Pelo poder do Espírito, eles seriam libertos de suas sepulturas no cativeiro, se lhes restituiria o favor divino, e haveriam de retornar à terra amada: “Eis que abrirei a vossa sepultura, e vos farei sair dela, ó povo meu, e vos trarei à terra de Israel”  (v. 12). “Trazer” é uma palavra chave, que aparece com freqüência neste livro (56 vezes) e em Jeremias (cerca de 40 vezes). Seu significado é visto neste evento como algo que acontece por intervenção divina. Somente Deus poderia trazer os israelitas de volta à sua terra.

Ao repetir uma das frases chave do livro de Ezequiel, Deus declarou que esta ação ensinaria a Israel que Ele é Senhor Jeová: “Sabereis que eu sou o SENHOR”  (v. 13). Esses eventos lhes ensinariam a lição mais importante de que Deus é o Senhor Jeová e que Ele é Soberano.

O povo exilado reconhecia que não tinham esperança, pois tudo dava sinais de estarem perdidos. Deus referiu-se a eles como se estivessem sendo sepultados. Mas o Senhor procurou aquietar a lamentação e o pranto de Seu povo com a gloriosa promessa de que “ressuscitaria” a nação e tornaria a estabelecê-la na terra que lhe havia dado. Quando eles saíssem de suas sepulturas, ninguém poderia reivindicar reconhecimento para si mesmo: “Então, sabereis que eu, o SENHOR, disse isto e o fiz, diz o SENHOR”  (v. 14). Aquele seria um ato exclusivo de Deus!

Agora, o plano estava completo. Em primeiro lugar, deveria haver a restauração física, a qual Deus fez quando ressuscitou a nação morta, levantando-os da sepultura (cativeiro). Em segundo lugar, a restauração espiritual era necessária, pois um povo espiritualmente vivo teria condições de obedecer às exigências da Aliança feita com o Senhor (cf. Ez 36:27).

De maneira sobrenatural, o Espírito de Deus usou o rei Ciro como instrumento na “ressurreição” de Israel como nação. O decreto do rei, divulgado “por todo o seu reino”  (Ed 1:1), como que foi para os exilados um sopro revivificador. A nação pôde se levantar da sepultura do seu exílio, como um poderoso exército, marchando harmoniosamente em direção à pátria, para reassumir sua posição entre os países vizinhos.

O vale de ossos secos contém muitos ensinamentos. Ele retrata uma nação em ruínas, que Deus prometeu vivificar, reformar e restaurar, como antecipação da vinda do Messias. O poderoso Espírito que reavivou a Israel ainda é capaz de avivar todos aqueles que estão mortos espiritualmente: “Pelo que diz: Desperta, ó tu que dormes, levanta-te de entre os mortos, e Cristo te iluminará”  (Ef 5:14).

Daniel Miranda Gomes

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

  1. A palavra “espírito” é a tradução do hebraico ruach. É traduzida pela NVI, neste capítulo, como “respiração” (vs. 5, 6, 8, 9, 10), duas vezes por “Espírito” (vs. 1 e 14) e uma vez como “vento” (v. 9). A palavra, em hebraico, aparece 378 vezes no Antigo Testamento e 52 vezes em Ezequiel. Neste estudo, ao invés de respiração ou espírito, empregarei a expressão “fôlego de vida”.
  2. O termo “quatro ventos” é uma expressão acadiana que se refere aos quatro pontos cardeais da terra.
  3. WISEMAN, Guthrie; MOTYER, J. Alec; STIBBS, Alan M. Nuevo comentario bíblico. 9. ed. El Paso, Texas: Casa Bautista de Publicaciones, 1996, p. 511.
  4. TAYLOR, John B. Ezekiel: an introduction and commentary (Tyndale Old Testament Commentaries). Downers Grove, Illinois: Inter-Varsity Press, 1969, p. 235.
  5. TAYLOR, John B. Obra citada, p. 238.
  6. TAYLOR, Preston A. Ezequiel el profeta y su mensaje: una mirada fresca a un mundo enigmatico. El Paso, Texas: Editorial Mundo Hispano, 2005, p. 246.
  7. TAYLOR, Preston A. Obra citada, p. 248-249.
Share
 

101 Comments

  1. Humberto Agnello disse:

    Muito bem elaborado o estudo. Bastante elucidativo.

  2. Evaldo Daufenbach disse:

    Ótimo estudo, parabens Pastor!

    Evaldo.

  3. tulio anjos disse:

    Muito bom , posso compartilhar pastor?

  4. ivo pereira de jesus disse:

    Muito boa a ilustração. Tem bastante clareza e de fácil interpretação. Gostei muito! Que DEUS os abençoe.

  5. nilton disse:

    estudo muito bem elaborado que DEUS te abençoe

  6. PR. ÁQUILA SANTOS disse:

    EU AMO ESSE TEXTO E MENSAGEM DE EZEQUIEL. MOSTRA COMO DEUS TEM PODER DE RESSUSCITAR SEU POVO CAÍDO E MORTO DO NADA PARA UMA NOVA VIDA. LINDA MENSAGEM…AMÉM

  7. Muito edificante esse estudo. Só nos mostra como Deus é o Soberano de toda alma. Ele, e mais ninguém, tem realmente o controle de toda historia. Deus te abencoe! Shalon Adonay.

  8. Rubens disse:

    Excelente estudo sou apaixonado por estudos Bíblicos sempre estou aprendendo muito obrigado.

  9. PASTORA GILMARA AMORIM disse:

    Excelente estudo, e muito profundo! Deus lhe abençoe Pastor. Que o Senhor continue te usando!

  10. Adalberto Martinez Calderon disse:

    Excelente estudo, muito mais mensagem creio, exatamente o que estamos precisando em nossas igreja. Precisamos de uma restauração, para vivermos com mais interesse na vinda de Jesus. Quando recebemos o sopro do Espírito Santo, que vem de todos os cantos, vamos viver e estar mais compromissados com a obra de Deus. Sopra Espírito sobre todos nós, sobre a Igreja de Cristo, parabéns Pastor, Deus continue usando tua vida.

  11. gleyce disse:

    palavra edificante para minha vida. Amei!!!

  12. gilmara conceição disse:

    Otimo que Deus continue te abençoando.

  13. BENA disse:

    Gostei muito deste estudo,consegui entender um pouco da historia de ezequiel e um dos capitulos mais extraordinario da biblia,que voçes possam estar trazendo outros estudos de passagens da biblia.Que DEUS os abençõe e continui iluminando a todos.

  14. ana sousa disse:

    toda ves que eu medito a visao do vale deus toca em mi eu fico muito mais firme na fe.

  15. washington de paula da silveira disse:

    sempre fui apaixonado por esta historia do pode de israel mencionado pelo livro de ezequiel cap 37 a algum tempo estudo esse livro pra ministrar na minha igreja mais me faltava alguns conhecimentos agora depois de ter visto este estudo me sinto mais preparado com a ajuda do espirito santo Deus continue te abençoando

  16. juliana disse:

    Essa passagem é muito forte. Esse vale de osso seco somos nós. Se não se humilhar a restauração não vai acontecer em nossa vida.

  17. luciano lima de sena disse:

    Deus é Fiel…

  18. luciano lima de sena disse:

    Pastores me ajudem sou pregador e preciso de ajuda no meu ministerio… essa esplanação de Ezequiel 37 é muito profunda. essa palavra denota a grandeza de Deus o mais interessante e sabermos que Ele é o mesmo ontem hoje e eternamente.paz

  19. lino calixto disse:

    q Deus abencoe essas mentes usadas por Deus ajudando pessoas a encontrarem a si mesmo em um mundo de verdadeiras guerras expirituais sabendo q ainda a uma esperanca q Deus pode reviver sonhos

  20. lino calixto disse:

    q Deus abencoe essas mentes cheias do expirito santo ajudando pessoas a nao desistirem de sonhar q ainda a um esperanca assim cm esses ossos secos Deus pode tambem dar vida a quem e humilhado desacreditado pela sociedade mas p Deus nada e impossivel

  21. willian disse:

    Que Deus continue abençoando o teu ministério

  22. ivanildo disse:

    Muito edificante e proveitoso este estudo ,me ajudou muito em minha pesquisa que o senhor vós abençoe cada dia mas.

  23. Elaine 5 de Setembro, 2014 Canada, 3:12 am disse:

    mensagem de Deus para uma grande obra que Ele fara em nossas vidas se ouvirmos sua voz, proclamarmos sua mensagem de vida e esperanca aqueles que nao tem o “folego da vida”

  24. selton disse:

    pastor que Deus comtinui le abenco andor

  25. fernando antonio ribeiro disse:

    pastor, agradeço a deus pela sua vida que deus continue te abençoando espiritualmente,estou maravilhado com um estudo desse extra ordinário estava precisando mim aprofundar mais nessa passagem fique com deus .Amem!

  26. fernando antonio ribeiro disse:

    pastor o senhor tem como me enviar uma cópia desse estudo?

  27. eliane disse:

    Maravilhoso, esclarecedor!

  28. andrea disse:

    Estudo muito bem elaborado!
    que o SENHOR continue inspirando voce!

  29. osergio sa disse:

    Oespirito vivificado pela palavra que e cristo quando se diz senhor tu osabes e senhor o filho do homem profetizem tambem. A nos se temos. A mesma fe e coragem . Amem.

  30. palavra de deus maravilhosa muito obrigado espirito santo por estas palavras amem

  31. ada disse:

    Parabéns pelo estudo! Explicativo, profundo e sábio! Tremendo! Pregarei com base nele! Deus continue o abençoando!

  32. Leila Buganza disse:

    Maravilha de estudo; edificante, precisamos de pastores que sejam cheios do Espirito Santo.Deus te abençoe e continue te usando.

  33. ROSILDA DE ANDRADE disse:

    Parabéns!! linda explicação da passagem que eu não entendia… Obrigada!

  34. CLEUSA PEREIRA disse:

    Que mensagem linda! Que o Espírito Santo continue abençoando a mente de vocês dando-lhes sabedoria para que outros trabalhos sejam realizados de maneira tão agradável. Aprendi muito e foi útil à minha pesquisa. .Que a graça de nosso Deus esteja sempre com todos.

  35. Tatiana Aparecida Laurindo disse:

    Muito forte, nosso DEUS é o todo poderoso, e faz com que uma vida toda de derrota em segundos se transforma em alegria em vida restruturada, glória a DEUS, aleluia .

  36. ada regina disse:

    Maravilha de esboço. Comi cada palavra lida. Serviu para minha vida espiritual e vou entregar aos ossos secos que andam ao meu redor. A quem o Senhor me enviar, entregarei a mensagem de alívio e ressuscitação. Se o Senhor não quer que ninguém se perca, como poderei eu aceitar que meu próxima alcance o inferno?
    Abençoe ,Deus o teu Daniel Miranda que esboçou muito bem um estudo e um texto bastante dificil de interpretação. Só mesmo alguém com a Unção do Teu Espírito.
    amém!!

  37. Glauce Costa disse:

    Pois acho que esta passagem também se refere ao Holocausto e ao restaurar da nação posteriormente.

  38. Andressa Taborda disse:

    Linda mensagem!!!!

  39. jean disse:

    Deus a bençoa a sua vida vaso!!!

  40. celio telli disse:

    maravilho, revelação tremenda

  41. AlexandrE disse:

    Que DEUS ABENÇOE.

    QUE QUE EU FASSO PARA APRENDER MAS

    MI LIGA PASTOR 91980535006

  42. Marlene Santos Sousa disse:

    O estudo que acabei de ter… sem palavras simplesmente esplendido,
    maravilhoso constata como o nosso Senhor DEUS… poderoso e como
    Ele se compadece do seu povo nação santa e eleita.que DEUS seja louvado
    sempre e eternamente… amém..

    parabéns pastor; Daniel Miranda Gomes

    Deus te ajude sempre!!!

  43. A Paz do Senhor amado pastor Mensagem edificante estarei pregando esta mensagem em um congresso e tenho absoluta certeza que através do mesmo ruach que operou no vale de ossos secos estará operando naquele alugar e este estudo só vem para somar naquilo que o Deus já estava iluminando minha cabeça lembrando Que ele é o mesmo ontem hoje e será eternamente.Hebreus 13.8.Que Deus seja contigo.

  44. Nixon disse:

    Deus abencoe. Muito edificante!

  45. manoel Santana disse:

    É a primeira vez que leio mensagem e eu aprendi muito com o senhor pastor que Deus o abençoe a cada dia e a partir de hoje não mais deixarei de ler estas mensagem foram muitas expectativas. APDSJ.

  46. joanan souza disse:

    continue com esses estudos mais publica todos. pq assim o sinhor nos ajuda a entender melhor… DEUS abençoe profeta…

  47. joangle disse:

    otimo pra quem ler a biblia e estuda as escrituras

  48. Excelente parabéns pela elaboração que Deus continuem abençoando a todos .

  49. joão batista disse:

    muito bom , e muito bem elaborado ,e com estudos como estes que aprendemos mais a palavra de DEUS , parabens , e q venha mais !!

  50. DC.marcia disse:

    Que DEus continue te abençoando neste ministério da palavra foi edificante para minha vida a paz.

  51. Edilson Benedito de Matos filho disse:

    Muito bom!!! Estou para pregar a palavra em uma igreja de grande porte e Deus me deu Ezequiel 37 e aqui eu aprendi um pouco mais. Parabéns!!! E muito obrigado. Que Deus acrescente mais e mais. Amém.

  52. valdeci disse:

    Essa pregaçaõ e uma bençaõ,muitos se encontram no exilio de tristeza de frustraçao de abandona e precisam da missericordia de Deus

  53. Aldair disse:

    Muito bem aplicada a interpretação.
    Para os que estão desanimados, é uma grande mensagem que revigora.

  54. cristiane lima disse:

    lindo essa passagem em ezequiel aprendi mas pois tenho um desejo de prega essa passagem um dia na igrja que faço parte que deus anbençoe voces

  55. evangelista otavio, disse:

    parábens muito edificante

  56. NILSON MARTINS disse:

    gostei gostando pois gosto de estudar estas mensagens porque aprendo muito, esta então aprendi bastante, muito boa mesmo. parabéns pastor q DEUS continue te usando cada vez mais.

  57. Dc.Dioraci de Souza Fonseca disse:

    Muito bom esse estudo q Deus te abençoe muito mais pastor.

  58. IRACI disse:

    MUITO BOM ENSINA AGORA SOBRE TIAGO

  59. Salmos 126,v/6

    Aquele que leva a preciosa semente, andando e chorando, voltará,
    sem duvida, com alegria, trazendo consigo seus molhos.

  60. pedro disse:

    muito bom pastor que o Senhor te abençôe +++++++.amém.

  61. Hellen disse:

    Amei, muito bem explicado, fácil de entender

  62. Pr João Tobias disse:

    Muito bom Deus falou comigo de forma sobrenatural .apaz

  63. Joana de paula disse:

    Excelente!!!

  64. simone disse:

    Pastor, parabéns pelo estudo, suas explicações são esclarecedoras, esta passagem me marcou muito pelo fato de uma amiga passar por esse vale com a vida de seu filho recém nascido, mas a sua fé o restaurou, ele que estava no vale dos ossos secos foi restaurado pelo sopro do espirito ehoje vive em bênçãos aos seus 18 anos de idade.

  65. simone disse:

    Pela grandeza do amor de Deus, peço aqui em oração que o espirito santo de Deus, assopre o pulmão do meu pai Dalmo para que ele tenha revivamento, que ele renasça em força e fé, restauração da vida, em nome de Jesus, Amém!!!!!!

  66. Juliana disse:

    Pedi uma palavra para aliviar meu coração…essa palavra foi perfeita.Glória a Deus por isso..Somente Deus me alivar…

  67. roberto santos xavier disse:

    muito bom este estudo

  68. Rosilda Muniz de Oliveira disse:

    Amei esse estudo foi um aprendizado único e muiros esclarecimentos.
    Deus te abençoe grandemente

  69. gildene santana disse:

    Este estudo maravilhoso..ainde Deus nos mostrar que Ele faz o inesistente a existir….para Deus nada é impossivel

  70. Miriam disse:

    Enviar esse estudo para o meu email por favor

  71. Claudete Fontes disse:

    Ontem abri a bíblia me deparei com esse capítulo,novamente.Novamente porque? Vária vezes Deus fala comigo através dele.Hoje tive a curiosidade de buscar algo a mais e encontrei,como chorei.Sabe porque ?Deus é demais,maravilhoso,que palavra,realmente é espada de dois gumes,não volta vazia.Que estudo maravilhoso,Deus continue te usando.

  72. Claudete Fontes disse:

    Maravilhoso,esplendido.Parabéns,Deus falou comigo ontem através dessa palavra ontem,hoje procurei saber mais.Amei.Muito obrigada.

  73. marlene disse:

    Muito bom gostei….envia para o meu email. ..amei….

  74. Cláudia Mastri disse:

    Excelente estudo, muito obrigada!

  75. emiraldo disse:

    Já vi varios estudos a respeito desta passagem mas nenhuma mi deu tanto esclarecimentos como esta que deus continue ti abençoando

  76. Edinalva disse:

    Hoje estive aqui conversando com Deus a respeito de algo, me veio a mente um folha seca. E eu perguntei ao Senhor: Pode uma folha seca ter vida Ó Deus? De imediato me veio um capítulo 37 que eu ainda não sabia de que livro eu abriria, para minha emoção ser maior, constato a cada dia o poder desse Deus na minha vida. E me veio a palavra do vale de osso secos, muito me emocionou porque eu sei que Deus é o mesmo e assim como eu clamei por um milagre nesta manhã e fazendo analogia com uma folha seca, me veio esta palavra, grandiosa e poderosa. Sei que Ele está no negócio e irá agir. Abri na primeira explicação a qual me encheu de conhecimento. Parabéns pastor pela unção em interpretar tão bem essa passagem!

  77. Raimundo da Cruz disse:

    É bastante enriquecedor nos deixa com uma vontade imensa querer mais e mais…!

  78. LUIZ MONSTANS disse:

    Graças Te dou meu Deus, pois encontrei um Deus misericordioso., através desta mensagem do profeta Ezequiel, onde revelou nos tempos de hoje ,um pastor humilde e iluminado por Deus.

    GOSTARIA DE GANHAR UM CURSO BÍBLICO, PARA COMPREENDER MELHOR A A PALAVRA DE DEUS.
    LUIZ MONSTANS

    073 9 91644616

  79. INA REGINA ALMEIDA CUNHA disse:

    Parabéns, precisamos desse tipo de iniciativa e de construções psicopedagógicas cristâs para que o desenvolvimento de muitos possam ter clareza e qualidade de produção para esplanar, semear a boa novas, o Ide de
    JESUS CRISTO para os recém convertidos e pelo mundo.Que DEUS o capacite cada vez mais. PAZ DO SENHOR!

  80. irmã serlige disse:

    MARAVILHOSO , ESSE ESTUDO ,SERVE PARA EDIFICAR NOSSA VIDA ESPIRITUAL.

  81. IRMÃO MARIVALDO . ASSEMBLÉIA DE DEUS ( VALE DE JOSAFÁ ) BELÉM DO PARÁ . disse:

    Hoje estive aqui conversando com Deus a respeito de algo, me veio a mente um folha seca. E eu perguntei ao Senhor: Pode uma folha seca ter vida Ó Deus? De imediato me veio um capítulo 37 que eu ainda não sabia de que livro eu abriria, para minha emoção ser maior, constato a cada dia o poder desse Deus na minha vida. E me veio a palavra do vale de osso secos, muito me emocionou porque eu sei que Deus é o mesmo e assim como eu clamei por um milagre nesta manhã e fazendo analogia com uma folha seca, me veio esta palavra, grandiosa e poderosa. Sei que Ele está no negócio e irá agir. Abri na primeira explicação a qual me encheu de conhecimento. Parabéns pastor pela unção em interpretar tão bem essa passagem! É isso , minha querida irmã ; pego uma carona na sua mensagem maravilhosa , dando um testemunho meu : JESUS ME CUROU DE UM CÂNCER ; VAI FAZER 4 ANOS , ESSE MILAGRE EM MINHA PESSOA . EU JAMAIS DEIXEI DE ACREDITAR EM DEUS , E NO SEU PODER ; FORAM RETIRADOS = 14 Cms DO MEU INTESTINO , E FIZ 12 CICLOS DE QUIMIOTERAPIA . (( para honra e glórias do SENHOR = ESTOU CURADO , AMÉM !

  82. nilton santos disse:

    Muito bom e importante este estudo alem de edificante

  83. Silvania disse:

    Maravilhoso encinamento,Deus continue abençoando o sr amem

  84. Leonardo disse:

    Oq aconteceu depois da guerra a qual os ossos secos batalharam?

  85. iraqui disse:

    digno do povo de deus este ensino,deus seja louvado

  86. Reginaldo dos santos disse:

    Muito excalrevedor …

  87. Reginaldo dos santos disse:

    Amém tremendo

  88. cabeleireira dora disse:

    Tremendo como Deus continuou a falar comigo neste texto de maneira clara e edificante louvado seja Deus!!!!

  89. paulo jose disse:

    muito edificante o seu artigo, parabéns, que o nosso DEUS continue abençoando

  90. Jean Carlos Araújo Ferreira disse:

    Muito bom mesmo parabéns

  91. Simplesmente maravilhoso,nunca tinha visto algo tão aprofundado e com base Bíblica.Parabéns amado pelo seu carinho,competência e acima de tudo por sua inspiração junto ao Espirito Santo.ps.:ore por mim sou carente da oração dos Santos do Senhor Jesus.

  92. Renata disse:

    Muito edificante gostei muito me emocionei com o comentário Deus abençoe

  93. Renata disse:

    Deus abençoe me emocionei ler tão explicado

  94. PAULO BELARMINO GOMES disse:

    essa palavra me ajudou muito, na verdade , eu senti profetizar, na ministracao do louvor, e quando li essa mensagem, na verdade, era algumas COISAS na minha VIDA que eu precisava profetizar, coisas que tenho buscado a tanto tempo,,,,, recebi ,,, gloria a DEUS

Deixe um comentário